DE MACURURÉ NA BAHIA PARA O MUNDO!

quinta-feira, 8 de junho de 2017

OAB cria COMISSÃO e divulga CARTA ABERTA cobrando PRISÃO DE AUTOR da morte da MENINA BEATRIZ


A criança foi morta a facadas, no dia 10 de dezembro de 2015, durante uma festa em uma escola em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Até agora, ninguém foi preso pelo crime.

A subseção ainda divulgou uma carta aberta em que cobra da polícia a prisão do autor do crime. A carta é assinada pela comissão instituída para acompanhar o caso.

Em março, a Polícia Civil de Pernambuco, que está à frente das investigações, divulgou imagens do suspeito de cometer o assassinato. O homem foi flagrado por câmeras de segurança instaladas na região onde o crime ocorreu.

Nas imagens, conforme a polícia, o homem aparece numa rua atrás da escola e, durante duas horas, se passa por flanelinha. Ainda conforme a investigação, o homem aparece colocando uma faca embaixo da calça. A polícia também chegou a divulgar que trabalha com a hipótese de que o crime tenha sido premeditado, mas que a criança a ser assassinada teria sido definida no local.

A polícia disponibilizou canais como a Ouvidoria da Secretaria de Defesa Social e telefones do Disque-Denúncia para receber informações sobre a identificação do homem e orefece até uma recompensa de R$ 10 mil para quem fornecer informações verídicas que levem ao suspeito.


É possível entrar em contato com a polícia através do número 181, da ouvidoria da SDS, e dos contatos (81) 3421-9595 e (81) 3719-4545. Há, ainda, um número de WhatsApp para que as testemunhas possam fornecer informações sobre o caso. As mensagens podem ser enviadas para o número (87) 99911-8104. 

As informações são do G1 BA. 
Postar um comentário

SEGUIDORES DO BEIRA RIO NOTÍCIAS